Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
CINEMA MARGINAL
CINEMA MARGINAL

Resultado de imagem para tabu 1982 filme

Tabu (1982)

Um encontro poético e imaginário entre o escritor modernista Oswald de Andrade e o compositor Lamartine Babo, entre suas poesias, músicas, carnaval e passeios pelo Rio, intercalados pelas cenas do filme "Tabu" (1930) e de antigos filmes pornográficos. Uma junção de três elementos: imagem, fala e música, que compõe a fictícia conversa entre os dois icônicos artistas.

 

América do Sexo - 1969

''Colagem'', ''Balanço'', ''Bandeira Zero'' e ''Sexta-Feira da Paixão, Sábado de Aleluia'' são os quatro segmentos que compõem este drama alegórico e de protesto. A encenação improvisada se propõe a ilustrar o processo de comunicação entre as pessoas. Alude à época em que foi realizado o momento mais negro da ditadura militar, logo após o AI-5, em que vigorava feroz censura no país.

1º episódio: “Colagem”
Direção e montagem: Luiz Rosemberg Filho
Elenco: Ítala Nandi, Echio Reis, José Celso Martinez Corrêa, Samuca, Rubens Maia

2º episódio: “Balanço”
Direção: Flávio Moreira da Costa. Elenco: Ítala Nandi, André Faria, Maria Pompeu, Renato Borghi

3º episódio: “Bandeira zero”
Direção: Rubens Maia
Elenco: Ítala Nandi, Nildo Parente

4º episódio: “Sexta-Feira da Paixão, Sábado de Aleluia”
Direção: Leon Hirzsman
Elenco: Ítala Nandi, Luiz Carlos Saldanha

Imagem

O Abismo (1977)

Do alto da Pedra Bonita, Rio de Janeiro, um jovem se atira numa asa delta em direção ao abismo. No mesmo momento um homem monta um fuzil telescópico e o atinge mortalmente. Um arqueologo de posse de uma maquina fotografica registra o incidente e tenta perseguir ocriminoso, mas é impedido de pela súbita aparição de Madame Zero.

Diretor: Rogério Sganzerla

ELENCO

Norma Bengell,
José Mojica Marins,
Wilson Grey,
Jorge Loredo,
Edson Machado,
Mário Thomas,
Mariozinho de Oliveira,
Satã,
Rogério Sganzerla.

Resultado de imagem para canção de baal

Poeta e cantor, Baal optou por uma vida de outsider, gozador da vida. Baal preenche seus dias com casos amorosos. Nessa fábula musical antropofágica ouve-se a voz do próprio Bertolt Brecht e a entrevista de Einstein no Brasil, onde teria sido comprovada a Teoria da Relatividade.

Primeiro longa dirigido por Helena Ignez, ícone do cinema marginal, o filme “Canção de Baal” conta no elenco com Simone SpoladoreCarlos Careqa

Resultado de imagem para Luz nas Trevas: A Volta do Bandido da Luz Vermelha

Luz nas Trevas - A Volta do Bandido da Luz Vermelha - 2010

Filme emblemático do cinema marginal, "O Bandido da Luz Vermelha" (1968), de Rogério Sganzerla (1946-2004), marcou época, unindo contundência no comentário social em plena ditadura a uma estética suja, contrária ao embelezamento de um cinema clássico. Foram necessários mais de 40 anos para o lançamento da sequência: "Luz nas Trevas - A Volta do Bandido da Luz Vermelha".

O filme foi feito a partir de um roteiro deixado pelo próprio Sganzerla, que foi transformado num projeto familiar da empresa Mercúrio Filmes, integrada pela viúva do diretor, Helena Ignez, e suas filhas Djin e Sinai.

Filmado num presídio abandonado, na zona leste de São Paulo e dirigido por Helena Ignez e Ícaro Martins, o novo filme retoma o personagem original, inspirado num assaltante real, João Acácio Pereira da Costa, e interpretado em 1968 pelo ator Paulo Villaça - que morreu em 1992.

Nesta sequência, além do novo intérprete - o cantor Ney Matogrosso, em seu primeiro papel principal no cinema -, o personagem está diferente. Os anos de cadeia o transformaram num homem mais amargo e reflexivo, que cultiva uma vaidade peculiar, exercitando frequentemente seus músculos e gastando seu tempo em leituras de filósofos, como Kant e Nietzsche.

O protagonista encontra seu filho, outro bandido, chamado "Tudo ou Nada" (André Guerreiro Lopes), fruto de uma breve ligação com uma mulher (Sandra Corveloni). Djin Sganzerla interpreta a namorada dele, Jane, mesmo nome da namorada do bandido original, vivida em 1968 por sua mãe, Helena Ignez. Desta vez, Helena encarna outra personagem importante, Madame Zero. Sergio Mamberti, que fazia um taxista no filme original, aqui é outro marginal, Nenê Jr. O delegado Cabeção é interpretado pelo músico Arrigo Barnabé.

Apesar da grande distância que separa os dois filmes, o envolvimento de pessoas tão próximas ao diretor garante um criativo diálogo entre eles, que nunca cheira a ranço nem saudosismo. "Luz nas Trevas" destila a mesma ironia cáustica da obra de 1968, em comentários como "o crime só não compensa para os pobres" e "o que se leva desta vida é a vida que se leva", marca registrada destes personagens acelerados, que só vivem no momento presente, esquivando-se das travas da moralidade.

Como o bandido original, "Tudo ou Nada" arromba casas usando sua lanterna e não só procura dinheiro e joias, como comida e sexo. Na interpretação sob medida de André Guerreiro Lopes, um experiente ator de teatro, o novo marginal mantém a aura de uma maligna sedução, e o mesmo humor sinistro que contagiava o filme original.

Presente no cinema apenas em pontas - nos longas "Sonho de Valsa" e "Diário de um Novo Mundo" -, Ney Matogrosso transfere seu carisma do palco ao seu veterano protagonista, que olha a vida detrás das grades com uma sabedoria feroz. O animal enjaulado destila sua energia na poderosa cena final, que mostra Ney no alto de um prédio, contemplando a cidade de São Paulo e cantando seu velho sucesso do Secos e Molhados, "Sangue Latino".

Resultado de imagem para jardim das espumas

O Jardim das Espumas - 1970

Em um mundo distópico onde os planetas são separados em pobres e ricos, um corpo celeste extremamente pobre recebe a visita de um emissário dos planetas ricos dispoto a negociar. Antes de encontrar o governante do local, esse emissário é sequestrado por uma facção contra o sistema e o que é dito oficialmente. Ao descobrir a realidade do local, o emissário entende que não poderia fomentar ali o mito que ia desenvolver.

 Um filme de Luiz Rosemberg Filho com Ecchio Reis, Labanca, Grecia Vanicori, Nildo Parente

Resultado de imagem para lilian m

Lilian M: Confissões Amorosas (Relatório Confidencial) / 1975

Maria abandona o marido lavrador e os dois filhos pequenos, seduzida por um mascate falador. Após um trágico acidente de carro, segue sozinha para tentar a vida na cidade de São Paulo. Perdida na metrópole, é presa sem documentos e uma assistente social arruma-lhe emprego na casa do industrial Braga. Os dois tornam-se amantes e, ao conhecer a estabilidade econômica, Maria é rebatizada de Lilian, nome da mãe de Braga. Lilian vai se envolvendo com excêntricos tipos humanos: o auto-destrutivo filho de Braga, um industrial alemão que financia a repressão política, um grileiro de terras falastrão, um detetive boçal, uma rumbeira e cafetina, um bandido tuberculoso com cara de santo e, finalmente, um submisso funcionário público e sua mórbida irmã. Do campo à cidade, do concubinato à prostituição, da opulência à marginalidade, Maria/Lilian retorna às origens para reaver a sua família.

Elenco:

  • Célia Olga Benvenutti
  • Benjamin Cattan
  • Sérgio Hingst
  • Maracy Mello
  • Walter Marins
  • Edward Freund
  • Caçador Guerreiro
  • José Julio Spiewak
  • Thereza Bianchi
  • Lee Bujyja
  • Genésio Carvalho
  • Paolo Picchi
  • Ruben Val
  • Bernardo Vorobow
  • Oamir Carvalho
  • Jairo Ferreira
  • Olga Maria Andrade
  • Luiz Nadas
  • Lygia Marques Leite
  • Silvana Maria
  • David Eustaquio
  • Sonia Maria Cabral
  • João Armando Spiller
  • Wilson Ribeiro
  • Washington Lasmar

Dirigido por Carlos Reichenbach

 

Sem Essa Aranha (1970) / MEGA

Autenticamente experimental, o filme exala brasilidade de uma maneira natural e espontânea. Os problemas nacionais da década de 1970 como fome, miséria, desigualdade social e falta de identidade nacional, são tratados no longa de uma forma abstrata. Aranha, (Jorge Loredo) assim como os outros personagens, percorrem pelo filme surtados, interagindo com a câmera, dizendo frases repetidas e nos mostrando a angústia e realidade suja de um país que é escondida.

Frases como: "êta planetinha metido a besta", "estou com fome, ai que dor de barriga", "o destino da humanidade é horripilante", são repetidas várias vezes durante o filme se misturando com o popularesco da música de Luiz Gonzaga e Moreira da Silva.

ImagemImagem
ImagemImagem

Strovengah - Amor Torto (2011) / Depositfiles

Pedro e Marcela vivem voluntariamente isolados em decadente casa no alto de uma serra de exuberante e selvagem beleza natural. Ele, um ex-publicitário, dedica-se a escrever um romance. Ela, eterna aspirante a cantora, deixa-se levar pelas obsessões do amante. Uma insólita comitiv

ELENCO
• Otoniel Serra
• Rose Abdallah
• Nello Marresi
• José Marinho
• Nelito Reis

Direção, Roteiro e Produção Executiva: André Sampaio

 

Assuntina das Amérikas (1976) / MEGA

 Direção: Luiz Rosemberg Filho

Elenco: Nelson Dantas, Jairzinho Graça, Xuxa Lopes, José Celso Martinez Corrêa

 A vida de uma prostituta que quer ser atriz, retratada em um período de 24 horas. Desde o momento em que acorda até o fim da noite, ela experiencia eventos cotidianos que a fazem refletir sobre como são turbulentos os anos 1970. Ela briga com a mãe, que não tem marido, enquanto desmoraliza o filho, que não tem pai. Depois, parte para seus encontros diários com as mais diversas figuras, que incluem um Papai Noel, um Urso Azul e duas amiguinhas. Finalmente, para encerrar o dia, ela se encontra com um amante velho e milionário, com quem ela tem mais do que um simples relacionamento profissional. 

Resultado de imagem para romance 1988 filme

Romance (1988) / MEGA

A morte inesperada de António César, um intelectual de esquerda, que escrevia um livro onde denunciava um escândalo internacional em que estavam metidas autoridades políticas, repercute sobre três pessoas diferentes. A história multiplica-se seguindo os passos interligados dos três personagens: Regina, jornalista, parte à procura de informações que desvendem o escândalo; Fernanda, companheira e vítima do discurso de António César sobre a liberdade do comportamento, tenta viver o seu discurso, mas perde-se e vê-se mergulhada na angústia; André, homossexual e amigo do morto, paga, também ele, o seu tributo à ideologia da libertação sexual.

Elenco:

  • Rodrigo Santiago .... Antônio César
  • Imara Reis .... Regina
  • Hugo Della Santa .... André
  • Isa Kopelman .... Fernanda
  • Cristina Mutarelli .... Márcia
  • Sérgio Mamberti
  • Beatriz Segall .... Cecília
  • Maria Alice Vergueiro
  • Elke Maravilha
  • Ruth Escobar

Dirigido por Sérgio Bianchi

 

Jogo das Decapitações (2013) / Minhateca

Direção: Sergio Bianchi

Leandro (Fernando Alves Pinto) tem 30 anos e pertence à classe média brasileira. Imaturo e cansado do trabalho, ele se envolve com uma pesquisa para o mestrado na qual passa a investigar as pessoas que desapareceram durante a ditadura militar. Em meio às buscas ele conhece a obra de Jairo Mendes, um artista controverso que faleceu em um presídio, por ter assassinado sua mulher. Logo Jairo torna-se uma forte influência para Leandro, especialmente o livro "Inverno nos Trópicos: Cartas, Memórias e Bombas". Não demora muito para que ele inicie uma procura ao único filme dirigido por Jairo, "Jogo das Decapitações", que foi censurado pelo regime militar e está desaparecido. 

  

Resultado de imagem para viagem ao fim do mundo filme

Viagem ao Fim do Mundo (1968) / MINHATECA

Dirigido por: Fernando Campos

Elenco:

  • Annik Malvil
  • Esmeralda Barros
  • Fernando Campos
  • Joel Barcellos
  • Jofre Soares
  • José Marinho
  • Karin Rodrigues
  • Talula Campos
  • Vera Vianna
  • Walter Forster

Enquanto aguarda a chamada para o embarque em seu avião, um rapaz procura na banca de jornais uma leitura para a viagem. Descobre uma edição de bolso das "Memórias Póstumas de Brás Cubas", de Machado de Assis. Embarca e junta-se a um time de futebol, duas freiras, um modelo de publicidade que se senta a seu lado, e um homem de meia-idade visivelmente nervoso. O rapaz lê até o capítulo "O Delírio", onde visualiza Pandora desnuda como a verdade, a mostrar-lhe como tem sido e será a vida na terra. O modelo visualiza, também, seu cotidiano, a freira tem dúvidas sobre a existência de Deus. O homem de meia-idade, o jogador de futebol, todos temem a vida, e os episódios cômicos e dramáticos se fundem num grande painel até o fim da viagem. 

 

Resultado de imagem para augustas filme

Augustas (2011) / Minhateca

"Augustas" narra momentos da vida de um jornalista morador da Rua Augusta, que demitido de seu emprego e de seu relacionamento com a chefe e amante, se embrenha em inusitados universos urbanos: o da prostituição e o dos rituais neo-xamânicos de transe. Em busca das respostas para suas angústias, ele desperta uma voz feminina que passa a aconselhá-lo. E, de quebra, desestrutura completamente seu modo masculino e oportunista de ver o mundo, levando-o a procurar outro tipo de compromisso, mágico e espiritual.

Direção: Francisco Cesar Filho

ELENCO
Ana Georgina Castro
Caroline Abras
Guta Ruiz
Henrique Schafer
Juliano Cazarré
Maira Chasseraux
Mario Bortolotto Alex
Milhem Cortaz
Phedra D. Córdoba
Selma Egrei
Zíza Brísola

Imagem

O PORNÓGRAFO (1970) / MINHATECA

Numa editora de revistas pornográficas, Miguel Metralha tenta imitar os gangsteres de Chicago. Com a morte do dono ele assume a chefia e tem que enfrentar a cafetina que dava cobertura à publicação, quando ele procura mudar o estilo das revistas.

Direção: João Callegaro

 ELENCO

Stênio Garcia (Miguel Metralha)
Ednardo Pinheiro (Funcionário da revista)
Betinho (Fiscal)
Francisco di Franco (Fábio)
Júlia Miranda (Amante)
Clarice Piovesan (Amante)
Edgar Gurgel Aranha (Peter Aster)
Carlos Reichenbach (Mordomo)
Sérgio Hingst (Chefe)
Liana Duval (Madame Rosália)
Américo Taricano
Rosângela Maldonado

Imagem

 

A Concepção (2005) / Minhateca

Alex (Juliano Cazarré), Lino (Milhem Cortaz) e Liz (Rosanne Holland) são filhos de diplomatas que vivem juntos em Brasília num apartamento vazio, sem os pais, e cheio de quinquilharias. Trocam afetos variados alheios ao mundo. Entediados, tentam viver cada dia como se fosse único. O processo radicaliza quando X (Matheus Nachtergaele), uma pessoa sem nome e sem passado, entra na casa e propõe ir sem freios na idéia de viver apenas um dia.

Direção: José Eduardo Belmonte

ELENCO
Gabrielle Lopes,
Juliano Cazarré,
Matheus Nachtergaele,
Milhem Cortaz,
Murilo Grossi,
Rosanne Holland  

Imagem

O GIGANTE DA AMÉRICA (1978) / MEGA

Senha para extração: dude2

Diretor: Júlio Bressane

 ELENCO
Jece Valadão, 
José Lewgoy, 
Marta Anderson, 
Paulo Villaça, 
Wilson Grey, 
Rogéria
Colé Santana, 
Fabíola Fracarolli, 
Suzana de Morais, 
Tânia Bôscoli, 

O Gigante da América conta ironicamente a trajetória da alma de um caboclo pelo inferno, purgatório e paraíso. Nesse périplo ancestral pela América cuja rota supõe ter sido indicada pelo poeta Dante, a alma encontra alguns fantasmas de figuras notáveis do Novo Continente, fazendo e ouvindo discursos memoráveis, entretanto, reflexivos, sobre colonização e existência.  

A MULHER DE TODOS (1969) / Mega

Ângela Carne e Osso é uma mulher insubmissa e irascível, que faz dos homens gato e sapato.

Direção: Rogério Sganzerla

ELENCO

Helena Ignez .... Ângela Carne e Osso
Jô Soares .... Doktor Plirtz
Stênio Garcia .... Flávio Azteca
Paulo Villaça .... Ramon
Antônio Pitanga .... Vampiro
Renato Corrêa de Castro .... Pelenguinho
Telma Reston .... turista
Abrahão Farc .... turista
Sílvio de Campos Filho .... Rei dos Ratos
J.C. Cardoso .... Armando
Antônio Moreira .... carona
José Agripino .... náufrago

Imagem

A Família do Barulho (1970) / MEGA  Senha: cinebra

Uma família disfuncional, composta por uma prostituta e dois gays, um forte e outro frágil e estúpido, vive uma vida rotineira no Rio de Janeiro. Quando a prostituta ameaça os outros dois de parar de sustentá-los, eles decidem encontrar uma odalisca como uma alternativa para manter a sua vida fácil. Mas nem tudo sai como os dois imaginaram.

Direção: Júlio Bressane

ELENCO

Grande Otelo, Helena Ignez (a prostituta) e Maria Gladys (a odalisca)
Guará Rodrigues
Kleber Santos
Poty
Wilson Grey 

Imagem

A Herança (1970) / USERSCLOUD  Senha: cinebra

Direção de Ozualdo Candeias, para esta adaptação de Hamlet, de Shakespeare. Omeleto, filho de senhores do sertão, vai para a capital estudar. O pai morre e ele volta encontrando a mãe casada com o irmão do falecido, que, como uma assombração, conta para o filho que foi assassinado. Omeleto promete vingança para dar o descanso à alma do pai.

ELENCO

David Cardoso
Américo Taricano
Rosalvo Caçador
Zuleica Maria
Barbara Fázio
Agnaldo Rayol
Túlio de Lemos
José Lopes
Clemente Viscaino
Rubens Ewald Filho 

 

billings

As Bellas da Billings (1986) / USERSCLOUD  Senha: cinebra / Depositfiles

Jaime, vendedor ambulante de ervas medicinais, e seu amigo violeiro vão passar um final de semana, às margens da represa Billings, no casebre da família do primeiro, onde vivem sua mãe e as duas irmãs Verônica e Aspásia. As mulheres têm no lixo produzido pela parte rica da cidade de São Paulo - representada pela região do Morumbi - a fonte para encontrar objetos para uso pessoal e sobras de comida para alimento da família e das galinhas.

Direção: Ozualdo Candeias

ELENCO

Sílvia Gles
Claudete Joubert
Carlos Ribeiro
Almir Sater
Mário Benvenuti
José Mojica Marins





FEBRE DO RATO (2011) / Depositfiles

Febre do Rato é uma expressão popular típica da cidade do Recife que designa alguém quando está fora de controle, alguém que está danado. E é assim que Zizo, um poeta inconformado e de atitude anarquista, chama um pequeno tablóide que ele publica as próprias custas. Vivendo em um mundo particular, Zizo se depara com Eneida, uma jovem de aproximadamente 18 anos, que instiga e promove a transformação do poeta.

Dirigido por: Cláudio Assis

Elenco:

Ângela Leal Dona Marieta

Conceição Camarotti Anja

Hugo Gila Bira

Irandhir Santos Zizo

Johnny Hooker

Juliano Cazarré Boca Mole

Maria Gladys Stellamaris

Mariana Nunes Rosângela

Matheus Nachtergaele Pazinho

Nanda Costa Eneida

Tânia Granussi Vanessa

Vitor Araújo Oncinha

Imagem

A MARGEM (1967) / Mega / Minhateca

Inspirado em acontecimentos reais publicados em jornais popularescos, o filme aborda o dia-a-dia
da população pobre que vive às margens do rio Tietê: prostitutas, cafetões, deficientes mentais,
aleijados, tipos desesperados que aguardam a barca do inferno.

Direção: Ozualdo Ribeiro Candeias

ELENCO

Mario Benvenutti
Valeria Vidal
Bentinho
Lucy Rangel
Paulo Ramos
Brigitte Maier
Nelson Gaspari
Virgilio Sampaio

Imagem

Miramar (1997)

A educação sentimental e intelectual do adolescente Miramar, que é criado para ser artista.
Depois do suicídio dos pais, ele descobre o sonho de se tornar cineasta, apoiado no tripé
Oswald de Andrade - Machado de Assis - Einstein. A metáfora de seu nome explica que a ação
tenha quase sempre o mar como pano de fundo: cemitério marinho de Barra de São João, quartos
e terraços de hotel à beira-mar, praias, ruas e bares da zona sul do Rio de Janeiro.

Direção: Júlio Bressane

ELENCO

João Rebello
Giulia Gam
Diogo Vilela
Louise Cardoso
Maria Clara Abreu
Cláudio Mamberti
Fernanda Torres